Um diálogo entre eu e a minha alma.

Celso Ricardo Monteiro*           Permitam-me iniciar essas linhas agradecendo à Olodumare – O Senhor Criador de Todas as Coisas – pela minha vida, a minha saúde, a minha família, o meu trabalho e a minha capacidade de resistir. Quero também agradecer muito pelas oportunidades ao longo da vida, entre elas, a possibilidade de estar aqui,Continuar lendo “Um diálogo entre eu e a minha alma.”